May 29, 2024
×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 43

Guarita desenvolve embarcações para operarem no Rio Grande do Sul

Os trabalhadores da Estrutural Serviços Industriais, de Alvorada, deslocados para trabalhar na Refap, entraram em greve por tempo indeterminado nessa segunda-feira (21). Após uma assembleia realizada na última quinta-feira (17), os trabalhadores encaminharam uma lista de reivindicações para a direção da empresa Estrutural, além disso, entregaram um comunicado de greve, conforme estabelecido na Lei 7783, alertando que se não houvesse negociação e/ou atendimento das reivindicações os trabalhadores entrariam em greve nessa segunda-feira.

Leia as reivindicações dos trabalhadores:

Reivindicações:
- SALÁRIO: Aumento salarial para todos; Adequação dos salários às funções exercidas; Fim dos descontos salariais irregulares;
- PARTICIPAÇÃO NOS LUCROS/RESULTADOS: PLR melhor e mais justa para todos;
- SAÚDE: Melhores condições de trabalho; Melhoria da qualidade e abrangência do plano de saúde;
- HORAS-EXTRAS: Elevação do adicional pago sobre as horas-extras
- CONVENÇÃO COLETIVA: cumprimento de todos os direitos contidos na Convenção Coletiva de Trabalho;
- ESTABILIDADE: Garantia de emprego devido às peculiaridades do trabalho, como a execução das funções fora do local de origem.

REPRESENTAÇÃO – A direção da empresa reuniu os trabalhadores na sexta-feira para, mais uma vez, reafirmar sua tese de que o Sindicato dos Metalúrgicos de Porto Alegre não os representa por causa do local onde exercem suas funções. No entanto, o sindicato possui documentos que comprovam a representação, inclusive a contribuição sindical de alguns trabalhadores locais. Além disso, a empresa tem sede em Alvorada, cidade que é base territorial dos metalúrgicos de Porto Alegre, tendo apenas deslocado os trabalhadores para a Refap em Canoas, em razão de contratos de prestação de serviços.

Facebook